praia muro alto em frente ao samoa beach resort

Porque a maré pode definir a sua viagem a Porto de Galinhas?

Está planejando sua viagem a Porto de Galinhas? Que maravilha! Porém, você já ouviu falar na tábua das marés? Não? Então não planeje sua viagem ao litoral pernambucano antes de ler isso!

Antes de mais nada, Porto de Galinhas é um destino recomendado para qualquer época do ano! Contudo, se você quiser desfrutar de 100% do que a região tem a oferecer, é melhor dar uma olhada na tábua antes de fechar sua viagem. 

Afinal, consultar a tábua de maré é a forma mais segura de garantir seus passeios, para saber se vai encontrar aquilo que está procurando e garantir que sua viagem seja ainda mais especial. 

Hoje, então, preparamos esse artigo para explicar o que é a tábua das marés e a importância dela para tornar sua viagem a Porto de Galinhas inesquecível! 

O que é a tábua das marés?

Em primeiro lugar, as marés são as alterações cíclicas do nível das águas do mar. Elas são influenciadas pela força gravitacional do Sol e principalmente da Lua.

Dessa forma, existem duas classificações para definir os tipos de marés. A maré alta, quando a água do mar atinge a sua altura máxima no ciclo das marés. E a maré baixa, que acontece quando a água do mar atinge o seu nível mais baixo.

Assim, é importante ressaltar que esse é um movimento cíclico. A maré sobe e desce duas vezes ao dia e o horário do ponto máximo da maré cheia e do ponto mínimo da maré baixa variam ao longo do dia.

Logo, a tábua das marés é o documento em que você consegue observar os horários de maré alta e maré baixa a cada dia. Porém, você deve estar se perguntando: Onde se encontra essa informação?

Para a praia de Porto de Galinhas e região, utilizamos como referência a Tábua de Marés do Porto de Suape fornecida pela Marinha do Brasil. Ela é uma tabela, onde você consegue ver  quatro horários, dois com a hora do ponto mínimo da maré e outros dois indicando a hora do ponto máximo da maré alta. 

Assim, os números inferiores a 1 indicam o horário em que a maré estará baixa e números acima de 1 correspondem aos horários em que a maré estará em seu ponto mais alto.

Mas afinal, qual a importância das marés para sua viagem?

Nesse sentido, saber o horário e o nível da maré baixa e alta do seu destino é essencial para escolher as datas da sua viagem e para escolher quais dias reservar seus passeios. 

Em Porto de Galinhas o passeio de Jangada é um dos clássicos da região, onde você terá a oportunidade de conhecer as piscinas naturais de Porto de Galinhas, de águas cristalinas, mornas e muitos peixinhos. 

Contudo, para que você consiga ver os peixes, os corais expostos e poder caminhar pelos arrecifes é importantíssimo que a maré esteja baixa. Afinal, é no período de maré baixa que as piscinas naturais se formam.

Além disso, para o passeio de jangada para as piscinas naturais, escolha um dia em que o nível mínimo da maré esteja igual ou abaixo de 0.5 para aproveitar melhor. 

Bem como, opte por iniciar o passeio 1 hora antes de a maré estar em seu ponto mais baixo, quando a água tende a ficar mais calma, cristalina e você consegue  aproveitar antes que comece a encher novamente.

Além do passeio às piscinas naturais, a maré também é importante para aproveitar as praias da região. Por exemplo, o Samoa está localizado à beira mar do melhor e mais bonito trecho da praia de Muro Alto. E para aproveitar ao máximo o local, suas piscinas naturais e água mansa, o ideal é reservar algumas horas no período de seca da maré.

Reserve agora pelo nosso site sua hospedagem no mais novo resort de Porto de Galinhas e venha viver momentos incríveis!

COMPARTILHAR

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 Adultos, 0 Crianças
Adultos
Crianças
Guardar Informação
Reserve agora, com o melhor preço garantido
Open chat